domingo, 22 de outubro de 2017

Filme e Jogo do Mês #4 - Agosto/Setembro/Outubro - 2017

E ae galera!

Demorei para caceta para voltar com os posts no blog. Muita correria, mas sempre leio e acompanho os blogs parceiros e de toda a finansfera.

Começamos com as velharias, mas naquele esquema: old but gold.

Nesses últimos meses joguei um pouco de Silent Hill: Downpour no PS3 que tenho. Aí que surgiu a temática de hoje.

Hoje teremos como temática o terror psicológico, onde o ambiente é um personagem a parte nas histórias.

Filme do Mês - O Iluminado


Um clássico dos clássicos. Assustou uma geração de espectadores. Até hoje vemos easter eggs desta obras, em diversos filmes e programas televisivos.

Sinopse: Jack Torrance se torna caseiro de inverno do isolado Hotel Overlook, nas montanhas do Colorado, na esperança de curar seu bloqueio de escritor. Ele se instala com a esposa Wendy e o filho Danny, que é atormentando por premonições. Jack não consegue escrever e as visões de Danny se tornam mais perturbadoras. O escritor descobre os segredos sombrios do hotel e começa a se transformar em um maníaco homicida, aterrorizando sua família.

Encontrei uma versão dublada no YouTube que segue aí embaixo. No mesmo site vocês encontrarão a versão legendada por simbólicos R$ 3,90 para alugar. E também pelo o que pesquisei, no Netflix não tem o filme.

Aproveitem.
 



Jogo do Mês - Silent Hill 


Lembro quando joguei Silent Hill pela primeira vez, fiquei tenso só com a abertura do jogo. Tomei susto pra boné jogando!

Você é Harry Mason que procura por sua filha, após um acidente de carro, na cidade americana de Silent Hill. No decorrer do jogo Harry vai descobrir a verdade sobre sua filha e sobre a cidade.

Abaixo coloquei o Trailer do jogo que foi exibido na E3 de 1998. A quase 20 anos carai!! Estou ficando velho...




Como no filme deste mês, a cidade de Silent Hill é um personagem ativo na narrativa.

O jogo foi lançado no ano de 1999 para PlayStation 1. Aqui vocês conseguirão baixar a ISO do game para poder gravar em CD e jogar em seu console, ou em emuladores via PC.  

Este jogo foi o primeiro de uma grande franquia que possui outros jogos para outros consoles e filmes baseados na história.


Recomendo o emulador ePSXe para rodar jogos do PS1 em seu PC. Vocês poderão baixar esse emulador aqui. No YouTube tem diversos vídeos de como instalar e configurar corretamente o emulador.

Então galera, quem não tem um PC com boa configuração pode se divertir um monte jogando uns games mais antigos via emuladores. Antes de montar a máquina que possuo hoje, jogava muito PS1 e Mega Drive no emulador em um notebook que tinha. Sugiro adquirirem um bom joystick USB para melhor aproveitar a jogatina.

Por hoje é só rapeize! Espero que gostem!
O que achou? Tem alguma indicação de filme e/ou jogo? Posta aí nos comentários!

Boa diversão a todos!
Abraços!

domingo, 15 de outubro de 2017

Atualização de Patrimônio - Setembro/17 - R$ 208.263,95 ou + R$ 604,78 ou +0,29%

Salve galera!

Após mais de um mês sem postar nada, além do acompanhamento de trades, vamos para o fechamento de setembro. Agosto ficou faltando, no entanto ele está presente nas nossas tabelas rotineiras.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP



  • Agosto tive um bom aporte, em setembro foi zero.
  • O alto rendimento em agosto e o baixo em setembro estão distorcidos, pois fiz o fechamento de agosto já no final mês do setembro.

Detalhes da carteira e evolução patrimonial



  • Ainda não consegui esvaziar o Fundo DI, mas o aporte de agosto foi direcionado a novas LCA's.

A Renda Passiva


  • Faltam R$ 103,94 para alcançar a meta de 1 S.M. de renda passiva.  

 

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Os 200k ficaram para trás, só que estou a 22k abaixo da meta traçada para o mês. Tenso...

Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Ótima evolução.
  • Fechei os meses agosto e setembro no simulador, no positivo, que me levaram a entrar na real em outubro. Você pode acompanhar a trajetória aqui. Os estudos nessa área seguem a todo vapor.

Meta nº 3 - Me formar
  • Ótima evolução
  • Quase zerei as atividades complementares que deveria fazer. Das 120 horas a cumprir, já foram 100.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Zero evolução
  • Em agosto fiquei parado, já em setembro fui nadar no clube em alguns dias.

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Regressão. Peso atual 80 kg, ou seja -2,5 kg acumulado.
  • Estou relaxando na parte física. De fato, exercício físico não é o meu hobby favorito.

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Evolução regular.
  • Aqui vale uma menção honrosa a D. Ligo, tem me ajudado e muito com essa meta.

Comentário final

  • Fico analisando a evolução das metas e penso: "Estou no patamar que queria estar? Não falta muito, mas o que já fiz e estou fazendo está sendo formidável, para quem até o ano passado não manjava de muita coisa". 
  •  
É isso ai galera. Bons investimentos, estudos e trades a todos!

Abraço!

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Como fui aprovado em concurso público

E ae galera!

Hoje encerro a trilogia de posts sobre concurso público. Para alguns leitores esse post não passará de dicas clichês como: beber bastante água e usar filtro solar. Já para outros poderá ser a luz que facilitará a caminhada rumo a aprovação.

Tudo o que escreverei nas próximas linhas foi testado e aplicado por mim na minha caminhada. Compilei essas informações de forma lógica para facilitar o entendimento e a aplicação, pois aprendi na tentativa e erro enquanto estudava.

Se você não leu, leia os 2 posts da trilogia: 1º Post e  2º Post.


Como consegui


O concurso público é como se fosse um esporte de alto rendimento, ou seja, temos que treinar duro, ser disciplinado e completamente focado no objetivo. Toda a nossa rotina diária deverá ser adaptada para caber no propósito da aprovação e não ao contrário. 

Para facilitar o entendimento dividi este item em: antes e depois de começar a estudar. Vamos lá.

  • Antes de começar a estudar
Aqui apresento as dicas para seguir antes de se quer sentar na cadeira para começar os estudos. Ignorar algum destes itens poderá causar perda de tempo, falta de confiança e estudo sem qualidade.

1 - Paz mental

Talvez seja o item mais importante nos estudos para concurso. A paz mental é aquele estado onde estamos com a mente livre de perturbações, preocupações, medos e etc. É aquela energia que te empurra para conseguir os seus objetivos. Com ela conseguimos uma excelente concentração e alta capacidade de focar nos estudos.

Mas como conseguir a paz mental? Resolvendo todas as coisas que nos perturbam. TODAS. Mesmo que tivermos que abrir mão de algo. É parar para pensar em tudo isso e colocar uma pedra em cada buraco, para que na hora que você estiver estudando Controle de Constitucionalidade não ocorra falta de concentração por causa de uma briga com alguém.

2 - Local de estudo e equipamentos

O local de estudos deve ser o mais tranquilo e claro possível. Ele deve fornecer a você a paz mental. Se o ambiente da tua casa tá difícil, vai para uma biblioteca ou qualquer outro lugar que te forneça boas energias. Se você só pode estudar em casa, então tenta estudar em um horário onde essas pessoas negativas não estão ou estão dormindo. Sim, o sacrifício começa antes de você colocar a bunda na cadeira.

Equipamentos para o estudo devem ser o mínimo possível, para não deixar a mesa lotada de coisas. Quanto menos melhor.

    • Lápis, borracha, caneta marca texto, canetas de várias cores ou uma daquelas multicores e caderno ou folhas A4 para anotações e confecção de resumos.
    • Tablet com wifi: aparelho fundamental para o estudo de hoje. Ali você leva um monte de livro, material em pdf e vídeo aulas para qualquer lugar, também com o acesso a internet para pesquisas na web.
    • Suporte para livros. Isso evita de foder com suas costas e sua postura, faz muita diferença em períodos longos de estudo. Eu tenho um deste.
    • Garrafa para água para se hidratar no estudo. Como prefiro água gelada comprei uma desta.
    • Protetor auricular. Fundamental para estudo em locais públicos. Este é o mais confortável.
3 - Cargo almejado e gerenciamento de estudos

Aqui começa o planejamento para o estudo de fato. PLANEJAMENTO É FUNDAMENTAL Se não planejar o seu estudo é melhor nem começar a estudar para concurso, vai fazer outra coisa para não perder tempo nem dinheiro.

Primeiramente devemos escolher o cargo que desejamos, pois a partir dele é que será feito todo o planejamento de nossa rotina de estudos. Saberemos as variáveis necessárias ao planejamento: disciplinas a estudar, seus pesos, material mais indicado, tipo de prova aplicada, local de lotação, data provável do próximo concurso e etc.

Para essa escolha procurem saber que tipo de serviço o cargo executa e veja se cabe em seu perfil, para não se arrepender lá na frente. Não adianta ser polícia se você não está disposto a assumir riscos. Analisem também os locais de lotação, para não tomarem sustos na efetivação no cargo. Como havia dito, remoção de servidor é quase impossível.

Para a galera que tá perdida para qual cargo estudar, eu recomendo olhar com carinho: Auditor Federal de Controle Externo (TCU - Poder Legislativo, na minha opinião, o melhor cargo e lugar para trabalhar na Adm. Pública), Auditor da Receita Federal (Poder Executivo), Analistas Judiciários (Poder Judiciário), Analista de Finanças e Controle (CGU - Pod. Executivo) e Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (Pod. Executivo). Tudo cargo federal galera.

Após definido o cargo, aquelas variáveis que citei a pouco serão respondidas e com isso passamos ao Gerenciamento de Estudos.

O gerenciamento de estudos é a forma de como você vai abordar aquele monte de disciplina para estudar e controlar o seu avanço nelas. Existem diversos métodos por ai, só pesquisar e adotar. Eu utilizei o método dos ciclos ensinado pelo Deme e pelo Alexandre Meirelles. No entanto isso varia de perfil para perfil, já conheci gente que prefere estudar a disciplina inteira até o seu término e outros que querem estudar um pouco de cada disciplina por dia, então pesquise e teste vários até ficar confortável com algum.

4 - Tempo e horário para estudar

Assunto polêmico. Quanto menos tempo diário para estudar, mais tempo até sua aprovação chegar. Não tem jeito, o tempo é tudo nos estudos para concurso. O que podemos fazer é tentar dar a máxima qualidade e eficiência ao estudo no tempo que temos disponível. (lembram da paz mental?)

Então planeje sua rotina diária, dê eficiência no seu tempo. Elimine tarefas desnecessárias, programas desnecessários para sobrar o máximo de tempo disponível para os estudos. Quando se estuda para concurso, a nossa vida gira em torno deste objetivo, foda-se o resto.

Quando passei no concurso federal que estou, eu estudava por volta de 5 horas por dia, mesmo tendo trabalhado o dia todo. Quando estava desempregado estudava por volta de 8 horas por dia.

A quantidade de horas diárias deve ser aumentada aos poucos. Iniciando em 1 hora de estudos e a cada semana ir adicionando 1 hora por dia até alcançar a "velocidade de cruzeiro nos estudos". Eu comecei querendo estudar 10 horas por dia, e de fato consegui no 1º dia estudar as 10 horas, já no segundo dia eu não consegui estudar sequer 10 minutos de tanto cansaço mental que estava.

O horário para estudos depende da realidade de cada um. Mas devemos ter em mente que cada pessoa produz mais e melhor em um determinado horário do dia. Uns pela manhã rendem mais, outros pela tarde. No meu caso era a noite para a madrugada, as 23:00 hrs estava no meu pico de foco e rendimento para os estudos.

5 - Método de estudo

Aqui é a base técnica da aprovação. O saber estudar, vai facilitar a sua vida para caralho. O método de estudo é a maneira de como você vai tirar o conhecimento do material e colocar na sua memória.

Então caro leitor, não economize tempo em aprender a estudar, isso faz a diferença demais!! Existem vários métodos por ai, pesquisem e experimentem.

O método que utilizava consistia em:

    •  1 - Realizar uma leitura rápida, no capítulo do livro ou item do material, para saber a profundidade do assunto que iria estudar.
    • 2 - Realizar uma leitura pausada, minuciosa, raciocinando sobre cada termo, como se fosse um filósofo se questionando sobre o que está lendo.
    • 3 - Após as 2 leituras, tentar explicar o assunto lido com as próprias palavras.
    • 4 - Se conseguisse realizar essa explicação, condensaria ela em um resumo para posteriores revisões.
    • 4.1 - Se não conseguisse realizar a explicação, voltaria ao passo 2 para nova leitura e se mesmo assim não tivesse compreendido o assunto, pesquisaria em outro material ou internet.
6 - Materiais

Saber escolher os materiais é fundamental. Vai depender de que estágio você está no seus estudos (iniciante/experiente) e o concurso alvo (top/não top).

Se você for iniciante ou estiver almejando um cargo não top (ex: prefeituras, não muito concorridos, salários mais baixos) o melhor é adquirir esses materiais vendidos online de bons professores (ex: Ponto dos Concursos e Estratégia Concursos) - não estou ganhando nada pra fazer propaganda. Pois são materiais mais condensados, direcionados aos concursos e com melhor didática.

Já se você for experiente ou estiver almejando um cargo top (ex: TCU, Receita) além de você ter passado pelos materiais online, é necessário pelo menos um bom livro de cada disciplina. Exatamente, cargo top exige um puta conhecimento aprofundado.

Recomendo demais o acesso ao forum concurseiros, ali você recomendação de bons materiais e bons professores.

Na minha aprovação eu utilizei una mescla dos materiais do Ponto e do Estratégia e os livros: D. Constitucional Esquematizado - Pedro Lenza. D. Administrativo -  Maria Sylvia Zanella di Pietro.

  • Depois de começar a estudar
Ótimo, sentamos na cadeira e começamos os estudos. Agora vamos ao que utilizei após iniciar a briga com livros e apostilas.

1 - Automotivação

O estudo para concursos só trará resultados a médio prazo, dessa forma, precisamos e muito de automotivação. Você deverá sempre revisitar os motivos que te levaram a entrar nessa empreitada.

Pergunte-se quais são eles, se imagine já aprovado e desfrutando de uma vida melhor. Faça cartazes com coisas que te motivam a batalhar, escute músicas e veja filmes com esse mesmo intuito durante todo o período de estudos.

Com paz mental e motivação o seu nível de concentração é extremo! Nada irá te parar no estudo. Será igual um monstertruck passando por cima de tudo.


Este é você com paz mental e motivação passando por cima de qualquer disciplina no seu caminho.
No início, os meus motivos de estudar para concurso eram: ter melhor qualidade de vida, ter mais tempo para coisas que gosto e viver mais perto das pessoas que são importantes para mim. No entanto, já no final da caminhada era mais ódio mesmo. Eu queria ver a cara de todos os putos que duvidavam de mim depois da aprovação. Ver esses vivendo uma vida de merda. E confesso, a sensação, de ver a cara de cú de todos quando souberam da minha aprovação, foi boa para caralho!

2 - Resumos e revisões

Como gravar na cabeça aqueles milhares de conteúdos vistos? É com resumo e revisão. Não tem outra maneira.

A função do resumo é você anotar a matéria conforme o seu entendimento de forma mais condensada possível e de fácil consulta. Existem várias maneiras de se fazer um resumo, desde fichas, mapas mentais e etc. Pesquise e utilize o sistema que você melhor se adaptar. Eu nunca fui criativo, então meus resumos eram textos em folhas A4, o máximo que fazia era mudar a cor dos parágrafos conforme a importância do texto ali escrito. Quanto mais importante, mais chamativo era a cor da letra.

As revisões irão te acompanhar do início ao fim dos estudos. É aquela leitura diária que irá fixar o processo legislativo na sua cabeça. Aqui também você deverá pesquisar uma melhor maneira que se adapte ao seu gosto.

O método que utilizava nas minhas revisões era assim:

    • 1 - Após 24 hrs depois do resumo de um determinado conteúdo confeccionado, era feita a primeira revisão
    • 2 - Após 7 dias depois da primeira revisão, era feita a segunda revisão
    • 3 - Após 30 dias depois da segunda revisão, era feira a terceira revisão e de 30 em 30 dias realizava revisões até a oitava revisão.
Dia 1 - Confecção do resumo > dia 2 - 1ª revisão > dia 9 - 2ª revisão > dia 39 - 3ª revisão > dia 69 - 4ª revisão > dia 99 - 5ª revisão > dia 129 - 6ª revisão > dia 159 - 7ª revisão > dia 189 - 8ª revisão.

Então, como é muito conteúdo e muitas páginas de resumos, tenha uma planilha de controle das revisões feitas.


3 - Questões e Gerenciamento de performance

O que é concurso público? Não é nada mais que uma prova com várias questões onde você sem que encontrar a assertiva certa ou a errada.

Então meus amigos, a resolução de questões é parte indispensável na preparação para o concurso. É dessa forma que você treina o seu conhecimento adquirido. É dever do concurseiro resolver todas as provas existentes referentes ao cargo escolhido conforme a banca de realização do concurso. E porque digo isso? Sempre tem uma questão ou outra repetida de provas passadas. É ponto de graça dado pela banca e também é uma forma de se acostumar com a forma da banca de cobrar determinado conteúdo.

A resolução de questão não é apenas acertar a assertiva correta, mas é saber o porque as outras estão erradas. Então estraçalhe cada questão até não sobrar nenhuma dúvida.

Por sua vez o gerenciamento de performance é a forma onde você sabe que está evoluindo nos estudos. Tenha uma planilha de acompanhamento onde possa registrar os seus índices de acertos de questões para permitir acompanhar a sua evolução e comparar com o índice dos últimos aprovados no seu cargo alvo.

Existem diversos sites de questões de concurso que oferecem esses relatórios de performance em determinada matéria. Eu já utilizei o tecconcursos e o rota dos concursos

4 - Rotina

Eu entendo a preparação para o concurso como um trabalho, ou seja, é algo diário que tem hora para iniciar e hora para terminar. É a criação de rotina pura e simples até que se torne um hábito. É algo que não tem o que pensar! Chegou a hora de estudar? Estude! Sem mais nem menos, sem mimimi. TEM QUE FAZER, simples assim!

É claro pessoal, nessa rotina que você criará deverá ter tempo para descanso, lazer, atividade física e boa alimentação. Lembra que falei que concurso público é como um esporte de alto rendimento? Então, o corpo e a mente tem que estar descançados e em ótima forma para render ao máximo nos estudos. Lógico que o tempo para essas atividades serão bem menores, mas mesmo assim deverão existir em vossa rotina.

Eu sempre gostei de jogos, então, na minha rotina, reservava durante a semana umas 4 horas para a jogatina eletrônica e praticava corrida no parque próximo a minha casa 2 vezes por semana. Assim me mantive feliz por não abandonar algo que gosto durante a luta e estava com o corpo em movimento.

5 - As provas

O concurseiro além de estudar ele faz concursos. Então se inscrevam em concursos, mesmo que não do cargo alvo, para treinar a mentalidade e estratégias de resolução das provas em um ambiente real! Você precisa saber o que fazer quando receber o caderno de provas e o gabarito. Confesso que 30% da minha aprovação foi na base da estratégia da resolução das provas.

Concurso público também é um exercício de humildade. O boneco que entra com o peito estufado sai da sala de provas falando fininho depois de uma surra homérica na prova. Então a mentalidade que devemos ter na hora da prova é a mais humilde possível. É entrar na sala e falar para si próprio que irá dar o seu melhor, que irá tirar cada gota de conhecimento da cabeça naquele momento.

Para a resolução das provas também deveremos adotar uma estratégia. Como você resolve as provas? Do início para o final? Do fim para o começo? Inicia pela matéria mais fácil? Só participando de concursos na real que você consegue traçar a melhor abordagem da resolução de prova. Varia de perfil para perfil.

A estratégia que utilizei para resolver a prova, que fui aprovado, consistia em:

    • Fazer uma leitura rápida da prova.
    • Resolver as questões de trás para frente. Pq? Geralmente as questões mais difíceis e mais compridas da prova estão no início da prova, logo nas primeiras páginas. Para o pessoal que não sabe resolver a prova e a aborda do início, chega na metade da prova exausto e erra as questões fáceis que estão no final.
    • Na metade do tempo de provas ir ao banheiro, comer e beber algo e descansar por 10 minutos.
    • Prestar atenção na primeira impressão de cada resposta de cada questão. Pq? Geralmente a primeira impressão que temos de resposta de uma determinada questão é a correta.
    • Nas provas de certo e errado, não assinalar resposta também é resposta. Quando não tinha muita certeza, deixava em branco, respeitando a quantidade mínima de acertos em cada disciplina.
    • Chute "colocado". Ou seja, eliminar ao máximo as assertivas nas questões de múltipla escolha para aumentar as chances em um possível chute.

Comentários Finais


1 - Consuma todo o conteúdo do fórum concurseiros SEM MODERAÇÃO! Lá tem informações e dicas valiosas para quem tá no caminho dos concursos.

2 - Não pare só neste texto, procure saber o máximo sobre a preparação para o concurso público, de forma a conhecer a estratégia que se encaixa no seu perfil.


Bom pessoal, acho que descrevi tudo o que utilizei na minha caminhada. Lembrem-se que isso tudo funcionou para mim, talvez algo não funcione para você, portanto, procure testar um pouco de cada coisa até você encontrar o seu método.

Desculpem o post longo demais, espero que ajude quem está na batalha. Se precisarem de algo, pode postar ai nos comentários ou no formulário de contato.

É isso ai pessoal. Bons investimentos, estudos e trades a todos.

Abraço!

domingo, 6 de agosto de 2017

Atualização de Patrimônio - Julho/17 - R$ 200.401,03 ou + R$ 1.110,06 ou +0,56%

Salve galera!


Fechamento de Julho. Sem muita conversa, apenas números e atualização de metas. Julho foi mês de zero aporte.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP



  • Zero aporte, a carteira nesse mês andou no automático.

Detalhes da carteira e evolução patrimonial



  • Agora em agosto eu inicio o esvaziamento do Fundo DI para outros ativos em RF.

A Renda Passiva


  • Faltam R$ 135,40 para alcançar a meta de 1 S.M. de renda passiva.  
 

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Rompimento dos 200k!

Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Boa evolução.
  • Aprendi uns operacionais novos que também estou treinando no simulador. Por falar em simulador, vou ficar nele mais uns 2 meses. Motivo: falta de confiança na minha técnica, preciso de mais vivência na técnica, para entrar na real e conseguir ficar com a bunda na parede.

Meta nº 3 - Me formar
  • Zero evolução.
  • Mês de férias, me dediquei aos trades.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Zero evolução
  • Volto à academia agora em agosto

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Regressão. Peso atual 78 kg, ou seja -4,5 kg acumulado e +0,1 kg no mês.
  • O lado bom é que o peso estabilizou.

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Evolução regular.
  • Não prestei muita atenção nesta meta esse mês, mas sigo me cobrando.

Comentário final

  • As despesas que tinha imaginado que viriam em julho, não vieram. O bolo patrimonial segue o seu crescimento.
  •  
É isso ai galera. Bons investimentos, estudos e trades a todos!

Abraço!

sábado, 29 de julho de 2017

A minha trajetória nos concursos públicos

E ae pessoal!

Vamos falar hoje de concurso público, dando seguimento para este post. Se preparem para um post bem longo. Por isso preparei a trilogia de concurso público, esse é o post número 2, geralmente o pior da trilogia.. hehehe.. Se quiser pular o post, fique à vontade.
No post nº 3 terá mais dicas sobre a estratégia e o que recomendo nos concursos públicos.

O pior dos 3, hehehehe..

Esse post relata com mais detalhes a minha história.

A minha trajetória nos concursos públicos


Lá pelos idos de 2007, enquanto cursava engenharia, ouvi falar de concursos públicos, mas não me interessava pelo assunto. O meu objetivo era me formar, juntar uma grana e experiência trabalhando como empregado e depois abrir um escritório de engenharia. Lembro que meu pensamento nessa época era "estou estudando engenharia, então quero ser engenheiro porra". Acredito que era um pensamento típico de estudante de engenharia na época do "boom" na economia brasileira.

Após formado, fui efetivado na empresa onde fazia estágio, só que fui trabalhar em um projeto em outro estado. Neste projeto, trabalhava por volta de 10 horas por dia, 6 dias por semana, morando em uma casa dividida com outros engenheiros. Não conseguia fazer nada além trabalhar, no domingo só conseguia dormir para poder chegar na segunda e trabalhar mais. Só podia visitar minha namorada (atual Dª. Ligo) e família que moravam na mesma cidade 1 vez por mês! Ou seja, qualidade de vida zero. Nem me aprofundar nos estudos de engenharia conseguia, pouco tempo e cansaço eram meus companheiros mais fiéis.

Então cansado dessa correria toda, da exaustão frequente, da falta de tempo, falta de liberdade comecei a pensar em opções de como sair daquela vida. Desde pedir demissão e tentar encontrar um emprego mais perto de todos ou até estudar para concurso público. Pensei durante algumas semanas, pesquisei sobre concursos públicos e decidi largar o emprego, voltar para casa dos meus pais e estudar para concursos durante 6 meses. Me espelhando em um conhecido que tinha sido aprovado em um cargo muito bom a pouco mais de 1 ano. Pensava que seria mais fácil largar tudo agora, no início da vida profissional do que mais velho.

Com exceção da minha namorada, que de fato foi a única pessoa que me apoiava, após comunicar a minha decisão, fui duramente criticado por todos, principalmente minha família. Meu pai não conseguia esconder o descontentamento com minha decisão.


Meu foco inicial era o concurso da Receita Federal que era anunciado que estava com edital próximo de ser publicado. Trabalhei por mais 1 mês antes de sair da empresa. Saí no final de junho. Juntei a grana que pude para sobreviver na casa dos velhos e pagar um cursinho que iria iniciar no mês seguinte (julho).

O meu planejamento era: estudar para concursos e concomitantemente procurar emprego na minha cidade. Se não passasse nesses primeiros 6 meses de estudo, o foco se inverteria. Seria trabalhar e no tempo que sobrasse continuar o estudo.

De volta a casa dos meus pais, iniciei o cursinho. Aula no período da manhã e estudo nos períodos restantes. Cacete, como foi difícil no início, já estava acostumado a só ver números nos livros de engenharia. Tentava estudar as disciplinas de direito e não entendia nada. As aulas eram muito boas, o estudo em casa é que não rendia, era pesado, além disso era disciplina para boné, não fazia ideia de como conseguir estudar tudo aquilo.

Até que após 1 mês nessa rotina, navegando na internet, descobri o fórum concurseiros. Caralho, aquilo foi uma revolução na minha vida de concurseiro. Desde as dicas do Alexandre Meirelles, Deme, William Douglas até os excelentes materiais do Ponto dos Concursos e outros. Vi que o material que estudava era ruim, por isso, para um iniciante nesse caminho mais atrapalhava do que ajudava.

Após ler e reler as dicas de todos, readequei a minha rotina para colocar algumas em prática, principalmente a parte do ciclo de disciplinas. Adquiri alguns materiais, consegui organizar um local mais isolado em casa para estudar e fui para cima. 

Mas mesmo assim era muito pesado por causa de 2 coisas: 
1 - Não sabia estudar. Exatamente, não tinha um método/estratégia para rever e gravar os conteúdos. Era só leitura do material e sublinhar as coisas que achava importante.
2 - A "energia" em minha casa, para o meu propósito era muito "negativa", devido a reprovação dos meus atos por todos. Cheguei a ouvir de meu pai que não fazia sentido eu estar cansado após um dia de estudos, pois eu não tinha feito nada, porque estudar não cansa. Foda.

A única coisa que fazia além de estudar era me encontrar com minha namorada. Era nesses momentos que recuperava as energias e o ânimo. Foram fundamentais para me manter no caminho.

O edital da RFB saiu em setembro com provas em dezembro. Em outubro recebi uma proposta de emprego de uma empresa da cidade que prontamente recusei, para fúria de meus familiares. Estava focado no plano e nos estudos. No mesmo mês saiu um edital de concurso da prefeitura de uma cidade próxima a que eu morava com provas em novembro que resolvi fazer pois seria ideal caso não entrasse na receita, um plano "B".

Já em novembro, nos 15 dias antes da prova do concurso da prefeitura peguei o período da noite para estudar para esse concurso. No dia da prova, fui com a faca nos dentes, pois era 1 vaga para engenheiro. Abaixei a cabeça para resolver a prova e só a levantei na hora de ir embora, tamanho o foco que estava neste dia.

Em dezembro, à uma semana da prova da RFB minha vida mudou. Na segunda-feira dessa semana, resolvi estudar na biblioteca pública da cidade. Caralha, tudo simplesmente fluiu! Não havia mais aquele peso nas costas. Mesmo estudando "errado", pela primeira vez em meses o estudo rendeu.

Nunca fui espírita ou qualquer coisa desse tipo, mas a partir dessa semana acredito que a energia do local de estudo é fundamental para aprovação. No meu caso, o estudo em casa não rendia porque a energia era negativa ao meu propósito. Sei que parece difícil acreditar nessa parte, mas acontece.

Fiz as provas para os cargos de auditor e analista. Não passei em nenhum, pois o meu ponto fraco que era Contabilidade foi muito cobrada nesse certame. A essa altura da minha vida concursística, adquiri mais experiência, mais conhecimento sobre os concursos públicos, os melhores cargos a concorrer, como me preparar para as provas e o mais importante que era me conhecer melhor. O restante do mês eu tirei para descansar.

Em janeiro saiu o resultado do concurso da prefeitura e eu tinha sido aprovado em primeiro lugar. Então, seguindo o plano que tracei, comecei a me preparar para assumir o cargo, conhecendo melhor a cidade, alugando casa e etc. No mês seguinte já estava trabalhando na prefeitura a todo vapor. Como o salário era baixo, conseguia me manter sem problemas e com relativo conforto morando sozinho.

Após estabilizado no serviço e na cidade, voltei a rotina de estudos. Saía as 17 horas do trabalho e às 17:03 horas (isso mesmo, 3 minutos) já estava em casa. Estudava em 2 períodos sendo: 17:30 até 20:30 e 22:00 até 24:00. No entanto, o meu foco mudou. Resolvi que queria ganhar mais, não importa o cargo. Então analisei vários editais de concurso cujo os cargos pagavam bem e cheguei a conclusão que quase todos tinham as mesmas matérias básicas que são: Português, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Redação e Inglês.

Decidi que iria ficar fera nessas disciplinas para depois adicionar outras no ciclo. O estudo fluía como nunca! Não tinha ninguém ali para me "secar". Comecei a fazer resumos do material estudado que foram fundamentais para gravar tudo. Nesse período, seguindo a dica de um colega concurseiro, comprei um livro que mudou muito a forma que encarava o concurso público: Manual de um Concurseiro - O caminho das pessoas comuns do Alex Viégas, um auditor da receita federal.

O livro demonstra o como encarar o concurso, desde método de estudo e estratégias a serem abordadas na hora da prova até o lado psicológico do concurseiro.

Em abril foi publicado um edital de um concurso que tinha um salário muito bom, mas eu estava hesitante em fazer o concurso pois teria que mudar para outro estado. Em uma conversa por telefone com minha namorada em uma madrugada, ela me incentivou a fazer o concurso "porque passar era uma coisa e assumir eram outros 500". Então resolvi me preparar para a prova. Caiam todas as matérias que estava estudando e tinha que apenas adicionar a legislação aplicada ao cargo e os conhecimentos específicos de engenharia.

O estudo da parte da engenharia foi apenas por exercícios resolvidos, naquela época não havia material condensado para concursos em engenharia como existe hoje. A legislação eu apenas lia as leis e anotava as partes mais importantes. Estudava como estivesse disputando a última Coca-Cola no deserto. Foco e gana total!

No final de maio foi a prova, fiquei de pé ao lado da sala de provas até o ultimo minuto, para não cansar de ficar sentado e perder a concentração. No que recebi a prova, só levantei a cabeça para ir embora. Lembro que saí até meio tonto da sala de provas.

Já no final de junho saiu o resultado, eu tinha sido aprovado mas fora das vagas. Fiquei muito feliz, porque vi evolução no meu estudo e que estava no caminho certo. Uma semana depois recebi um telegrama me convocando para assumir o cargo! Caralha, eles tinham aumentado as vagas e chamado os excedentes! Foi uma alegria enorme para todos que acompanharam a minha luta. Porra, foi muito bom esfregar a aprovação na cara dos putos que duvidavam de mim.

As vezes as coisas acontecem como se tivessem sido planejadas. Na metade de julho o contrato da casa que tinha alugado terminava então não precisei renovar ou pagar qualquer coisa. Pedi exoneração na prefeitura e na metade do mês de julho já tinha tomado posse do novo cargo. Cargo que estou até hoje.

Após assumir o cargo, até continuei os estudos de concurso público, para concorrer uma vaga no TCU, mas parei. Não tinha mais aquela "fome", aquela "gana" e a falta disso não te deixa focar no objetivo, principalmente em um objetivo que demorará para chegar. Quem sabe um dia essa chama volte a arder e aí eu volto com tudo para os estudos. Enquanto isso vou tentando ganhar mais $ em outros locais.

Concurso público vale muito a pena! O caminho até ele é árduo, mas vale a pena. No próximo post vou falar da parte mais "operacional" dos concursos. Estratégias que usei, melhores cargos na minha opinião e outras dicas para a galera que tá nessa luta.

É isso aí por hoje pessoal. Desculpem o post muito longo.

Bons investimentos, estudos e trades a todos.

Grande abraço.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Filme e Jogo do Mês #3 - Junho/Julho - 2017

E ae galera!

Hoje o filme e jogo do mês é totalmente 0800.


Nesse post resolvi começar de leve com as antiguidades. Os próximos posts terão mais velharia. Como estou pegando pesado nos estudos e trades na bolsa, me inspirou a colocar como tema desse mês a "vitória dos números".

Filme do Mês - Moneyball - O homem que mudou o jogo


Um filme totalmente excelente. Conta a história de um dirigente de um clube de beisebol que não possui muito dinheiro e que contrariando todo o modus operandi do esporte, junto com seu assistente, resolve adotar um método estatístico-matemático para montar a equipe, recorrendo a jogadores baratos e desconhecidos.




Você pode assistir online aqui.

Jogo do Mês - Championship Manager 3 - 2001/2002


Esse jogo é uma lenda! Modificou toda a categoria de simulação de esportes! Sem sombra de dúvidas é o jogo onde mais gastei horas, de longe!!!

No Championship Manager você assume o papel de "manager" (uma espécie de treinador+dirigente) de um clube de futebol, cuja função é construir uma equipe para disputar diversos campeonatos conforme o país de escolha.

Você pode construir a equipe de ponta a ponta, desde contratação de jogadores a contratação de preparadores e fisioterapeutas, definição de treino e etc. A contratação desses profissionais se baseia em um sistema de pontos de cada habilidade do profissional, cabendo a você a escolher o que mais encaixa no seu time.

Confesso que é gratificante levar um time da 3ª divisão do campeonato brasileiro a ganhar o mundial de clubes dando chinelada no Barcelona. rsrsrsrsr...

Segue abaixo algumas imagens do jogo, no youtube você acha muita coisa, desde jogadores recomendados a esquemas táticos diversos.


Mítico!

Habilidades do Jogador

Formação e táticas de jogo

Visualização de toda a equipe

Tela de jogo com comentários

Como é um jogo antigo para boné, até um pc da Xuxa roda.

O jogo completo com a atualização de abril de 2017 está disponível para download aqui. A atualização de abril de 2017 foi elaborada por este pessoal. Não é necessário instalar nada, apenas baixar, extrair e executar o arquivo "cm0102". Se tiver alguma dúvida posta nos comentários.

A data do jogo de fato inicia na temporada 01/02, existe alterações na net onde você consegue configurar as datas, mas aí cabe a vcs garimparem por ai.

É isso ai galera! Espero que gostem!
O que achou? Tem alguma indicação de filme e/ou jogo? Posta aí nos comentários!

Boa jogatina a todos!
Abraços!

domingo, 9 de julho de 2017

Atualização de Patrimônio - Junho/17 - R$ 199.290,97 ou + R$ 2.863,40 ou +1,46%

E ae pessoal!

Vamos para o fechamento de junho. Junho foi um mês razoável para as finanças e bom no resto.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP



  • Rentabilidade e aportes abaixo do estabelecido, no entanto estão melhorando.
  • Mesmo com a rentabilidade baixa, a inflação também baixa está favorecendo os juros reais da carteira.

Detalhes da carteira e evolução patrimonial



  • Evolução devagar, mas o importante é que é evolução.

A Renda Passiva



  • Faltam R$ 139,84 para alcançar essa meta de 1 S.M. de renda passiva.
  • O Brasil está tão fodido que não vislumbro um futuro melhor, dependendo de quem vencer as eleições de 2018. Então comecei a pensar em um plano para emigrar para Portugal, por volta de 2021, com o visto D7, mesmo sendo apto a conseguir a cidadania portuguesa. Então para mim e para Dª Ligo seria necessário 150% do salário mínimo português (650 euros) de renda passiva que perfaz no valor de R$ 3.740 (aproximadamente 1000 euros). Utilizando a TSR que defini, seria necessário por volta de  915k para gerar essa renda passiva; logo, teria que aportar pesado para cumprir essa meta até tal data. Enfim, vou começar a estudar mais e planejar uma fuga do Brasil rumo a um país mais civilizado caso a merda exploda.
  •  

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Acredito que os 200k serão rompidos no próximo fechamento. Não dou certeza porque junho foi um mês com gastos extraordinários altíssimos que passarão também para julho.

Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Boa evolução.
  • Estou anotando os trades de forma profissional, também estou criando uma rotina pré dia de trades. Iria iniciar a real agora em julho só que passei para agosto, preciso ter essa rotina absorvida antes de nadar com os tubarões.

Meta nº 3 - Me formar
  • Boa evolução.
  • Em que pese eu não ter evoluído nas matérias extracurriculares, consegui passar em todas as matérias do semestre. Devido estar mal de saúde, perdi provas importantes de 4 matérias das 8 cursadas no semestre, fui direto para a avaliação final tendo que estudar o conteúdo do semestre dessas matérias. Foi pauleira mas consegui ser aprovado em tudo.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Zero evolução
  • Volto à academia apenas em agosto.

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Regressão. Peso atual 77,9 kg, ou seja -4,6 kg acumulado e +0,4 kg no mês.
  • O candle de junho foi positivo, só que bateu na resistência dos 78 kgs e no final do ano vai fazer fundo lá nos 72,5kg.

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Boa evolução.
  • Sigo empenhado, as dores que tinha no pescoço e nos ombros estão cada vez mais esporádicas.

Comentários finais

  • Adiando que a atualização de julho será punk para o patrimônio, tive despesas altas imprevistas no cartão de crédito que poderão diminuir o bolo patrimonial.
  • O plano de emigração poderá virar post, assim que traçar o melhor caminho.
É isso ai galera. Bons investimentos e trades a todos!

Abraço!

sexta-feira, 30 de junho de 2017

O que não te contaram sobre o serviço público

E ae galera!

Lendo vários blogs e seus comentários, nesses tempos de crise, vejo muita gente estudando para concurso público, no entanto, olhando apenas para o lado bom das coisas que o emprego público proporciona, geralmente motivados pela propagandas de cursinhos e professores.

De fato, o emprego público, possui boas vantagens sim. Só que não é um mundo cor de rosa como muita gente pinta. Como sou funcionário público, resolvi escrever esse post falando sobre o lado não tão bom do serviço público, coisa que quase ninguém fala.

Esse post antecederá o post que falarei sobre o como fui aprovado e minha caminhada até a aprovação.

Antes que pensem que sou um fracassado de barriga cheia, sou feliz no cargo que ocupo e pretendo o exercer até a IF, esse post tem a intenção de alertar a galera que tá nessa luta concursística, a ficar com os pés no chão.


Concurso Público é um caminho onde não importa o quão forte
você pode bater, mas o quanto aguenta apanhar.


Então comecemos pelo que acredito serem as vantagens do emprego/concurso público:
  • Estabilidade no emprego:
    •  Talvez hoje a maior vantagem do serviço público, mesmo em tempo de crise seu emprego estará seguro. Alguns podem dizer que a possibilidade de demissão do servidor existe, eu digo que é muito remota, pois estados mesmo quebrados como RJ e RS não demitiram servidores para amenizar as despesas.
  •  Salário bom "garantido":
    • É uma vantagem questionável no caso de Estados e Municípios, pois hoje temos muitos exemplos de que servidores concursados que não estão recebendo corretamente. Já no caso do serviço público federal, considero uma boa vantagem,onde a União pode imprimir dinheiro para pagar o pessoal. É lógico que a consequência disso é inflação. Certeza que na Venezuela, vulgo Venezueira, os servidores estão recebendo certinho.
  •  "Desapego" do serviço e a volta das férias:
    •  Uma das melhores vantagens, o simples fato de que no final do expediente você pode "desligar" do trabalho e ir para casa sossegado é muito bom. E no caso das férias também, você sair por 30 dias e voltar e ver as suas coisas/situação empregatícia do mesmo jeito também é excelente, te dá muita paz mental.
Porra Ligo, só isso de vantagem?
Existem outras vantagens sim, mas ao meu ver são secundárias e inerente a alguns cargos.

E agora o que ninguém te contou:
  •  Você não tem FGTS
    • Mesmo o FGTS rendendo uma merda, faz falta. O motivo pelo qual retiraram o FGTS do servidor era que a aposentadoria do mesmo seria integral. Agora já sabemos que a aposentadoria integral para os novos servidores não existe mais e sem FGTS para essa galera.
  •  Sua bunda também estará na reta
    • Caso o servidor erre em algo que traga prejuízo ao ente público, esse mesmo ente pode cobrar o ressarcimento dos valores do servidor, ou seja, seu CPF vai ter que pagar a conta. Já na iniciativa privada caso o funcionário cause prejuízo a empresa, o máximo que pode acontecer a ele é ser demitido.
  •  Congelamento de Salário
    • Todos os servidores estão sujeitos a isso. Dependendo de como anda a economia o governo pode realizar o congelamento. Como no Brasil o histórico é de inflação alta, você estará sujeito a ver seu salário a ser corroído.
  •  Falta de estrutura para o trabalho
    • Sim pessoal, isso realmente existe no serviço público. O poder público não consegue sequer comprar uma caneta decente. Já presenciei casos onde 2 servidores tiveram que revezar o uso de um computador. Outro exemplo clássico são as escolas públicas, hospitais públicos caindo aos pedaços.
  •  Politicagem
    • Uma das coisas mais fodas que existem no serviço público. Você pode ser o melhor técnico em alguma área, com pós-doutorado nessa área, mas a decisão que realmente importa é de seu superior de cargo comissionado que não entende patavina do assunto, que na maioria das vezes irá ignorar o seu parecer master foda de técnico que você levou 10 dias para produzir.
  •  Filhadaputagem
    • Chefes imediatos fdp's que levam o crédito pelo seu trabalho, colegas invejosos, colegas que não produzem, enfim, o que acontece na iniciativa privada também acontece no setor público.
  •  Dificuldade extrema nas remoções de servidores
    • Esse é um ponto de muita dúvida para quem estuda para concurso, assumir um cargo longe de casa e depois tentar voltar via remoção. Sinto muito, isso é difícil para caralho, quando não é difícil demora mais de 5 anos para uma remoção nesse sentido. Já soube de casos onde servidores entram em depressão quando são lotados em cidades sem atrativos nenhum, como nos casos de fronteira terrestre (Receita Federal e Polícia Federal). Então, caso seja o seu interesse em voltar via remoção esqueça, agora se tiver coragem, muita paciência e espírito aventureiro vá em frente.

Então galera, esse post não é para desestimular o estudo para concurso, apenas para servir de alerta. Concurso público ainda vale muito a pena!

Se você tem alguma dúvida sobre o assunto, pergunta aí nos comentários ou no formulário de contato.

Bons investimentos e trades a todos.

Abraços!

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Plano de Trades

E ae pessoal!

Como já havia postado, irei iniciar os trades na conta real agora em julho. Mas antes disso apresento a todos o meu plano de trades.

Bora para o Gain!
A ideia principal nesse início de trades é ficar no 0 x 0, ou seja, tentarei fazer com que a grana na corretora dure o maior tempo possível.

Encaro essa entrada na renda variável como uma faculdade que me ensinará uma nova profissão, então imagino que dentro dos próximos 12 a 18 meses focarei mais no aprendizado do que em ganhos.

Como estou no início da vida de trader, esse plano sofrerá muitas modificações, então a cada modificação atualizarei esse post para não ficar floodando o blog nem os parceiros.

Plano de trade Versão 1.0 - Ligo Investimentos - Início 03/07/2017


Meu perfil atual: Day trader de Scalper e Micro Scalper

Objetivo: Evoluir como trader, estudar mais operacionais e técnicas, construir um mindset vencedor e ganhar dinheiro após um período de consistência.

Autoavaliação a cada dia de operação: Evitar de operar caso esteja cansado ou fisicamente doente ou mentalmente perturbado. Na dúvida não se opera. 

Qual ativo Operar?
  • Mini Dólar (WDO)
 Qual tamanho de lote a operar?
  •  1 mini contrato
  Qual é a meta diária de ganho?
  • 10 pontos = R$ 100,00
 Qual é a perda máxima diária admitida?
  • 7 pontos = R$ 70,00 - 70% da meta de ganho
 Qual é o Stop máximo por operação?
  • 3 pontos = R$ 30,00 - O objetivo é sair do trade errado o mais rápido possível.
 Qual é a meta de ganho por operação?
  •  De 3 a 6 pontos, dependendo do mercado. O objetivo é aceitar o que o mercado oferece no trade.
  Quantos stops seguidos para parar de operar?
  •  3 Stops cheios ou não.
  • A cada 2 dias seguidos de perda, não operar no 3º dia.
  Qual é o numero máximo de trades por dia?
  • 10 operações.
  Quando aumentar o lote?
  • Pelo menos 10 dias batendo de 60% a 70% da meta diária.
  • Mudança do mini para o cheio - A partir de 25 mini contratos.

 Acredito que cheguei a 50% da meta nº 2, os outros 50% seriam de fato conseguir ficar no 0 x 0 nas operações.

Dentro dos próximos dias adicionarei mais uma página no blog onde poderão acompanhar o meu desempenho diário no day trade.

É isso ai galera, bons investimentos e trades a todos.

Abraços!

domingo, 11 de junho de 2017

Atualização de Patrimônio - Maio/17 - R$ 196.427,57 ou + R$ 2.217,46 ou +1,14%

Salve Galera!

Bora para o fechamento de maio. Maio foi um mês apenas regular para as finanças, no entanto foi um mês pesado para mim no quesito saúde, onde tive que realizar uma cirurgia de urgência. Agora estou quase 100% só que terei que realizar uma mudança maior na parte da alimentação.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP



  • Rentabilidade bem abaixo do estabelecido, esse mês foi o pagamento de IR dos investimentos.
  • Aporte já deu uma melhorada, longe do ideal mas já é alguma coisa.

Detalhes da carteira e evolução patrimonial



  • Estou preparando uma mudança na carteira, para conseguir rentabilidades maiores. Esse assunto ficará para um próximo post.

A Renda Passiva


  • Salário mínimo vigente hoje é de R$ 937,00, então, faltam R$ 151,29 para alcançar essa meta de renda passiva, parece pouca diferença mas estamos falando de R$ 234.250 para gerar essa RP. 😲

 

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Sigo abaixo da meta estabelecida para os meses. A região dos 200k está se mostrando uma região de forte resistência.

Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Evolução Regular.
  • Continuo os estudos no tape reading e treinamentos no simulador do Tryd 5. Julho inicio as operações na conta real, está na hora de treinar o psicológico. Dentro de 1 ou 2 posts devo postar o meu plano de trades.

Meta nº 3 - Me formar
  • Evolução Regular.
  • Sigo realizando as atividades regulares e frequentando as aulas. Agora no segundo semestre devo evoluir até conseguir atingir a meta estabelecida.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Zero evolução
  • A saúde me deixou fora de combate nessa meta, devo ficar mais uns 30 dias de molho.

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Ótima Evolução. Peso atual 77,5 kg, ou seja -5 kg acumulado e -2,3 kg no mês.
  • Como não estou indo na academia, decidi restringir a alimentação fortemente. Chegamos a metade da meta!

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Baixa evolução.
  • A Dª Ligo está me ajudando a me policiar nessa meta. Está difícil, mas sigo empenhado.

Comentários finais

  • Após esse fechamento, e analisando as contas, o grande vilão dos meus aportes se chama cartão de crédito. Não estou no rotativo nem nada disso, apenas estou gastando mais que o previsto nessa modalidade de pagamento, se eu quiser evoluir nos aportes preciso diminuir mto esse tipo de gasto.
  • Estava pretendendo realizar uma mudança mais radical no layout do blog, no entanto decidi apenas a mudar algumas coisas e deixar ele mais simples mesmo. Ainda ao longo desse mês adicionarei mais algumas coisas, mas nada de substancial.
  •  
  • Como ainda estou com os dias livres, irei dar mais atenção ao blog tb. Acredito que tenho umas ideias legais de posts para publicar.

É isso ai galera. Bons investimentos e trades a todos!

Abraço!

terça-feira, 16 de maio de 2017

Filme e Jogo do Mês #2 - Abril-Maio/2017

E ae galera!

O tema de hoje é estresse. Afinal essa corrida rumo à IF estressa todo mundo. E o que você faz para descarregar essa carga toda?

Nada como tiros, explosões e sem muita conversa para aliviar a carga. Uns aliviam no álcool, outros no tiroteio eletrônico.

Filme do Mês - Rambo IV 


O bom e velho Lobo Solitário enfiando porrada e tiro. Não se prendam a apenas ao quarto episódio, assistam todos os filmes do herói!


Sinopse
Vinte anos depois, John Rambo vive na Tailândia e leva uma vida simples e solitária nas montanhas, pescando e capturando cobras venenosas para vender. Um grupo de missionários precisa passar pelas minas terrestres escondidas pelo caminho que leva ao campo de refugiados, onde pretendem entregar suprimentos médicos e comida para a tribo Karen. Depois de muita insistência, Rambo aceita levá-los, porém, um tempo depois, o grupo é sequestrado pelo exército birmanês e o herói terá de resgatá-los.

Não consegui encontrar um lugar com o filme completo para postar na faixa para vocês, mas está disponível no Netflix e no Youtube custa R$ 3,90 a locação do filme legendado.

Jogo do Mês - Far Cry 3


Você quer ser o Rambo? Então este é o jogo ideal!

Sinopse by Ligo: Você está na farra com sua galera em um país insular. Então uns piratas traficantes sequestram todo mundo. Seu irmão e você tentam escapar, seu irmão é morto e você consegue fugir do cativeiro. Os nativos da ilha te encontram e te dão apoio para vingar seu irmão e resgatar sua galera.



Far Cry 3 é um FPS com elementos de RPG. Você pode cumprir a maioria das missões ao seu jeito, seja furtivamente ou abrindo os caminhos com uma bazooka! Um mapa gigantesco, muitos inimigos, muitas armas que podem ser modificadas. Sem falar da possibilidade em roubar um jeep com uma .50 com munição infinita (John Rambo style)!

O jogo está disponível para PC, XBOX 360 e PS3. Para o PC o pacote básico está R$ 40,00 na Steam. Para os consoles, no mercado livre, o valor do jogo gira em torno de R$ 50,00+frete.

Como é um jogo de 2012 não é necessário um PC top, no entanto um PC da Xuxa não o rodaria. Não tem certeza se sua máquina roda? Entre nesse site e tire a dúvida.

É isso ai galera! Espero que gostem!
O que achou? Tem alguma indicação de filme e/ou jogo? Posta aí nos comentários!

Boa jogatina a todos!
Abraços!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Atualização de Patrimônio - Abril/17 - R$ 194.210,11 ou + R$ 1.750,40 ou +0,91%

Salve Galera!

Não abandonei a blogosfera não.
Vamos a mais um fechamento de mês. Abril foi um mês arrastado.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP




  • Rentabilidade na média. Aporte = zero!

Detalhes da carteira e evolução patrimonial



  • A evolução patrimonial foi resultado dos juros apenas.

A Renda Passiva


  • Rumo a 1 Salário mínimo de renda passiva!

 

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Conforme já previsto, meta de abril não atingida. Os aportes não estão acontecendo a contento. A Meta final anual permanece.

Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Evolução Regular.
  • Continuo os estudos no tape reading e treinamentos no simulador do Tryd 5. Sem novos conhecimentos adicionados no período, apenas tempo de tela.

Meta nº 3 - Me formar
  • Boa evolução.
  • Sigo realizando as atividades regulares e frequentando as aulas. Esse mês consegui atingir 17% do total de atividades extracurriculares necessárias a cumprir.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Péssima evolução. Idas 01 de 08.
  • Foda...

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Zero evolução. Peso atual 79,8 kg, ou seja -2,7 kg acumulado e nada no mês.
  • Estou vacilando na alimentação.

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Baixa evolução.
  • Estou melhorando de leve na postura, aprendi um macete para acertar a postura nos momentos onde estou com a postura errada. Sigo me policiando quanto a isso.

Comentários finais de Abril

  • Esse mês eu vacilei na parte física. Preciso recuperar esse tempo perdido.
  • Então rapeize, não abandonei a blogosfera não, só tive pouco tempo para fazer tudo o que me propus. 
  • Agora vou ter uns dias livres, pois fui corrigir um erro de meus pais que deveria ter sido corrigido na minha infância, então acredito que posso postar com mais frequência nesse tempo.

É isso ai galera. Bons investimentos e trades a todos!

Abraço!

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Atualização de Patrimônio - Março/17 - R$ 192.459,71 ou + R$ 1.939,22 ou +1,02%

Salve Galera!

Vamos a mais um fechamento de mês. Março foi um mês bom no geral para as metas que me propus a cumprir.

Planilha de Acompanhamento Geral pelo Sistema de Cotas - AdP



  • Rentabilidade ruim desse mês. Como meus investimentos estão atrelados ao CDI, com essa queda na SELIC eles foram diretamente afetados.

Detalhes da carteira e evolução patrimonial


  • Baixa evolução patrimonial pelo péssimo aporte realizado.

A Renda Passiva


  • Evolução de 1,02% no mês.

Acompanhamento da meta financeira anual


Meta nº 1 - Atingir o patamar de R$ 250.000



  • Meta de março atingida, no entanto prevejo que a meta de abril não o será, pois estou passando por um período de gastos extraordinários que está difícil de segurar.


Acompanhamento das metas não financeiras


Meta nº 2 - Aprender a operar na bolsa de valores
  • Ótima evolução.
  • Continuo os estudos no tape reading e treinamentos no simulador do Tryd 5. Comecei a estudar sobre o gerenciamento de risco e já vislumbro o meu "jogo", ou seja, o meu roll de estratégias que utilizarei nas operações.

Meta nº 3 - Me formar
  • Baixa evolução.
  • Sigo realizando as atividades regulares e frequentando as aulas. Zero atividades extra-curriculares. Falta de tempo é uma merda.

Meta nº 4 - Ir à academia no mínimo 8 vezes ao mês
  • Baixa evolução. Idas 04 de 08.
  • Longe do ideal, mas já vejo melhora no meu condicionamento físico.

Meta nº 5 - Perder 10 kg - Peso inicial 82,5 kg
  • Ótima evolução. Peso atual 79,8 kg, ou seja -2,7 kg acumulado e -1,8 kg no mês.
  • Finalmente essa meta deslanchou, mesmo com poucas idas à academia. 

Meta nº 6 - Melhorar a Postura
  • Novamente zero evolução.
  • Começo a pensar em fazer umas seções de RPG para auxiliar nessa meta.

Comentários finais de Março

  • Estou ficando de saco cheio de andar de transporte coletivo, me faz perder um tempo que considero absurdo, por volta de 90 a 120 minutos por dia Já ando fazendo alguns cálculos para tirar a carta e comprar uma moto. Se de fato o fizer será no segundo semestre e por consequência a meta financeira anual será reduzida. 

É isso ai galera. Bons investimentos e trades a todos!

Abraço!

sexta-feira, 17 de março de 2017

Filme e Jogo do Mês #1 - Março/2017

Salve Galera!

Iniciando uma série de posts sobre os filmes e jogos que vi e joguei e que recomendo muito a todos. Não serão só coisas atuais, vai ter muita velharia também!

A ideia é:
  • Postar mensalmente 1 filme e 1 jogo, para que vocês possam curtir tranquilo, sem aquela putaria de ter que arranjar tempo para poder ver tudo caso postasse semanalmente.
  • Trocar uma ideia com quem curtiu e quem não curtiu. 
  • E tentar fazer uma parada o mais low cost possível, afinal, aqui é blogosfera de finanças porra!
Nessa série, não vou fazer reviews elaborados, porque isso a gente encontra muito pelos sites e canais por aí.

Vamos ao Filme e Jogo do Mês #1 - Março/2017.


Começamos com minha temática favorita: as catástrofes. Coisas dando errado, guerras, pessoas descontroladas e extinção da raça humana.

Filme do mês - O Dia Seguinte (The Day After)


Vi este filme já faz alguns anos e o revejo de tempos em tempos. E toda vez que vejo fico tenso e catatônico por alguns dias.

É um filme de 1983 feito para a TV, então não esperem grandes efeitos especiais ou qualquer coisa do tipo. Ele gerou muita comoção à época de seu lançamento, como você pode ver aqui.

O filme conta o drama dos moradores de uma pequena cidade do Kansas, que enfrentam a devastação e o horror após terem sofrido um ataque nuclear.

Apreciem!




Seguindo a temática da vida pós guerra nuclear, como seria viver nesse inferno? O que sobraria após a devastação? Tudo isso a gente encontra em nosso jogo do mês! 

Jogo do mês - Fallout 3


Um pouco de história (retirado da Wikipédia).

O jogo passa-se na cidade de Washington D.C. em 2277, num mundo pós guerra, totalmente devastado por uma violenta e devastadora guerra nuclear entre os Estados Unidos e a China. Você é um morador do Vault 101 e precisa de encontrar o seu Pai, que saiu de lá sem dar notícias.

Em 2077, a humanidade estava a beira de um colapso; O Petróleo estava acabando, o Aquecimento Global destruía o planeta e a economia, os recursos naturais terminavam, e uma violenta Epidemia matava milhões de pessoas. Preparando-se para o pior, o governo americano contratou uma empresa chamada Vault-tec para projetar e construir Vaults, uma espécie de abrigos geralmente subterrâneos ou dentro de montanhas, para abrigar uma pequena parte da população americana, para quando acontecesse a inevitável guerra mundial envolvendo armas nucleares.

A China então, desesperada pelos últimos pontos de recursos, resolveu invadir o Alasca, mas foi expulsa pouco tempo depois pelos Estados Unidos. Com a derrota em outros conflitos entre os dois países, os Chineses lançaram mísseis nucleares contra os Estados Unidos. O ataque durou apenas 2 horas, mas o suficiente para causar uma monstruosa destruição. A energia libertada pelas bombas percorreu todo o mundo em poucos dias, e contaminou boa parte da água e comida existente no planeta com radiação, matando uma quantidade enorme de pessoas.

Mesmo vivendo em um mundo devastado, muitos humanos ainda continuaram a viver nas ruínas das cidades, em comunidades isoladas ou individualmente. Sem governo e sem ordem, as leis sumiram, e com isso, houve o surgimento de facções, grupos e exércitos militares. As poucas espécies de animais que sobreviveram ao ataque nuclear, sofreram mutações, surgindo escorpiões gigantes, moscas gigantes, baratas gigantes, e várias outras espécies novas. Já outros humanos sofreram mutações pela radiação e sofreram deformações físicas e psicológicas. Tornando o mundo num lugar perigoso e sem lei.





Poucos jogos me fizeram ficar tenso enquanto jogava e Fallout 3 é um deles. O fato de você não saber o que esperar a cada passo dado em um mundo hostil devastado é muito pauleira!

O jogo é um RPG em primeira pessoa com elementos de FPS, Lançado para PC, PS3 e Xbox 360.

O que mais destaco nesse jogo é o mundo aberto, milhares de coisas para se fazer, muitos lugares para ir. E armas, muitas armas! Sem falar dos headshots maneiros!


No Steam o Fallout 3, pacote pica das galáxias, com todos os DLC's tá na faixa de 40,00 golpes. Para os consoles gira por volta de 30 a 80 cachorros ocultos lá no mercado livre. Acho um custo benefício totalmente excelente por um jogo que te dará seguramente mais de 200 horas de jogatina. E também como é um jogo de 2008 não é necessário um PC com uma configuração foda.

É isso ai galera! Espero que gostem!

O que achou? Tem alguma indicação de filme e/ou jogo? Posta aí nos comentários!

Boa jogatina a todos!

Abraços!